sexta-feira, 10 de setembro de 2010

Caráter do que é insano

Muito embora haja tantas semelhanças e afinidades , muito embora haja também o silêncio que se faz um, fostes enganadas. Ainda que todas as nuvens caíssem sobre a terra seca, rachada e impura,  ainda, que não sobrasse nenhuma flor no imenso jardim da vida, ainda, ainda assim seriam duas.
Uma que faz de sua vida uma enorme roda gigante, outra, outra que não se sabe. Duas completamente distintas mas afins, duas que se completam, uma que se limita.  Tão somente, duas.
Cá dentro caos total e fora caos ainda pior, lágrimas escorrem pela face dos flagelos feito rio de almas insanas.
Elas e eles, sempre com as mesmas caras, fazem juras, sem saber que de  nada valem suas palavras sem experiências, sem mudanças, acabando com suas carcaças em drogas, bebidas, em atitudes mal pensadas e elas? somente Elas!
A tempestade se faz silêncio em meio a tanta sonoridade e desastres, sem nenhuma palavra. Uma é quente feito fogo e a outra é tão fria quanto a neve. É. Ainda que despisse a jovem alma que se resguarda mas não envelhece junto aquela caixa esquizofrênica chamada corpo, seria inepto. Muito tempo lhe sobra para nada, pouco tempo lhe falta para viver,  se perdendo todos os dias na própria imagem e aparência.  Se perdendo. De que adianta dizer que... se seus ouvidos escutam mas sua alma não compreende?



Nenhum comentário: